Polícia

Homem é preso suspeito de encomendar assassinato após briga por terreno na Zona Norte

By  | 

Um homem de 24 anos foi preso suspeito de ordenar um assassinato em maio deste ano, no bairro Alfredo Nascimento, Zona Norte de Manaus. Segundo a Polícia Civil, Adrison Patrick Alvarado Nunes foi o mandante da morte de um homem de 41 anos, após uma briga pelo terreno onde a vítima morava. Ele nega o crime.

O assassinato ocorreu na madrugada do dia 31 de maio. De acordo com o delegado Jeff MacDonald, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Nunes e a vítima estavam juntos em um bar quando iniciaram uma discussão pelo terreno.

“A vítima tinha um terreno e iria fazer uma construção nesse terreno, só que ele [Adrison] queria o terreno da vítima. Então diversas vezes ele ia lá arrumar confusão para expulsar a vítima do terreno, para ele poder ficar e construir, vender e ficar com o dinheiro. Era uma área de invasão”, afirmou.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito era traficante na área e costumava expulsar moradores dos terrenos para vendê-los depois.

“No dia do fato ele foi a um bar com a vítima para conversar com ele. Lá começou uma discussão, ele puxou a arma, apontou na cara dele [vítima], deu duas ‘coronhadas’ e chamou os comparsas para executarem a vítima dentro da casa dele”, afirma o delegado.

No mesmo dia, o homem voltou pra casa e foi surpreendido por um grupo de homens, que iniciaram a agressão. De acordo com MacDonald, a vítima foi morta por espancamento dentro da própria residência.

Após as investigações, a polícia conseguiu localizar o mandante do crime. Adrison foi preso na tarde desta segunda-feira (11) no bairro Cidade de Deus, na Zona Norte da capital.

A polícia afirma que ele negou o crime durante depoimento. MacDonald afirmou ainda que Adrison já responde por dois outros homicídios, receptação e é investigado por outros assassinatos na capital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *