Polícia

Balsa sai da tríplice fronteira com 200 kg de cocaína em botijas

By  | 

Uma ação entre a Secretaria-Adjunta de Inteligência (Seai) e a Polícia Civil resultou em uma das grandes apreensões de droga do ano. Foram encontrados 200 quilos de pasta-base de cocaína em botijas de gás de cozinha.

Segundo o secretário de Segurança Pública (SSP-AM), Bosco Saraiva, a apreensão ocorreu no rio Solimões, entre os municípios de Iranduba e Manacapuru, a caminho de Manaus. O carregamento saiu de Tabatinga, a 1.100 quilômetros da capital.

A droga estava armazenada em apenas 16 botijas entre 4 mil transportadas na balsa. Daí a importância do trabalho de inteligência que foi feito durante 30 dias, informou o secretário.

Zeus, um dos cães farejadores de droga da polícia, foi fundamental para localizar a droga na balsa, em um trabalho que durou 12 horas. Depois de escondida a droga, os traficantes voltaram a soldar e pintar as botijas.

A polícia trabalha agora para identificar o remetente e o destinatário da droga. Tripulantes da balsa foram ouvidos pela polícia, mas liberados.

Segundo Bosco, as investigações tiveram a cooperação de Colômbia e Peru, os países da tríplice fronteira com o Brasil e maiores produtores de cocaína do mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *