Brasil

Maioria de deputados do AM vota a favor de arquivamento de denúncia contra Temer

By  | 

A Câmara aprovou, na noite desta quarta-feira (2), o arquivamento da denúncia por crime de corrupção passiva contra Michel Temer. Ao todo, seis dos políticos que representam o Amazonas votaram a favor do presidente. Apenas dois votaram pelo prosseguimento das investigações.

Com a decisão, os deputados livraram Temer de responder no Supremo Tribunal Federal (STF) a processo que, se instalado, provocaria o afastamento do presidente por até 180 dias.

No total, votaram 492 dos 513 deputados – 263 a favor do relatório e 227 contra. Houve duas abstenções e 19 ausências – com base no regimento da Câmara, o presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ) não votou. Para que a denúncia fosse para o STF, seria preciso dos votos de, ao menos, 342 deputados.

Na votação, “sim” representa o voto contra a denúncia (Temer fica) e “não” aceitou a denúncia e o encaminhamento do caso para o STF. Veja como votou cada deputado do Amazonas:

  • Alfredo Nascimento (PR) – SIM
  • Arthur Virgílio Bisneto (PSDB) – SIM
  • Átila Lins (PSD) – SIM
  • Conceição Sampaio (PP) – NÃO
  • Hissa Abrahão (PDT) – NÃO
  • Pauderney Avelino (DEM) – SIM
  • Sabino Castelo Branco (PTB) – SIM
  • Silas Câmara (PRB) – SIM

Agora, Temer responderá no STF somente após a conclusão do mandato, em 31 de dezembro de 2018. O procurador-geral Rodrigo Janot, porém, deverá apresentar outra denúncia contra Temer, por organização criminosa e obstrução de justiça.

Denúncia

O presidente da República foi denunciado em junho por corrupção passiva. A acusação se baseia nas investigações abertas a partir das delações de executivos da empresa JBS no âmbito da Operação Lava Jato. Em março deste ano, o ex-assessor do presidente e ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) foi filmado, saindo de um restaurante em São Paulo, com uma mala contendo R$ 500 mil. Segundo a PGR, o dinheiro era parte de propina e destinava-se a Temer. A defesa do presidente nega.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>