Saúde

Hospital Santa Júlia recebe certificação nacional de qualidade

By  | 

Com a confirmação do certificado de Acreditação concedida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA), o Hospital Santa Júlia entrou para o seleto grupo de hospitais brasileiros com esse selo, que assegura excelência nos critérios de segurança do paciente em todas as áreas de atividade, incluindo aspectos estruturais e assistenciais.

Menos de 4% dos hospitais brasileiros possuem esse diferencial e empresa responsável pela auditoria realizada para a certificação assegurou que em poucos meses o Santa Júlia estará apto a receber um certificado com o nível de exigência ainda mais criterioso.

image

Um total de R$ 20 milhões de reais foram investidos em no Santa Júlia nos últimos cinco anos até que fosse alcançada a Acreditação.

“Esse investimento foi tanto na parte estrutural, com a ampliação do espaço e aquisição de novos equipamentos, como na parte de pessoal, com a contratação de uma mão de obra cada vez mais qualificada e que atenda todas as necessidades dos nossos pacientes”, afirmou o presidente do Santa Júlia, Edson Sarkis.

O Santa Julia é referência regional no tratamento de doenças renais e na área da oncologia.

Além disso, foi o primeiro hospital do Norte do país a realizar transplante renal. Atualmente 35 especialidades médicas são oferecidas no Santa Júlia, que realiza um média de 15 mil atendimentos (entre consultas e cirurgias) por mês.

Durante três dias, uma equipe de auditores vistoriou todas as dependências, analisando minuciosamente as atividades e constatou que o hospital cumpre com os padrões de qualidade preconizados pela ONA.

Tudo foi acompanhado pelo Núcleo de Qualidade e Segurança do Paciente (NQSP), departamento responsável pelo gerenciamento desse processo, por meio de trabalho integrado de todas as equipes do hospital.

As auditorias para a manutenção da certificação do Hospital Santa Júlia ocorrem a cada 8 meses e são realizadas pela Fundação Carlos Alberto Vanzolini, instituição mantida e gerida pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP) e que é considerada, dentre as instituições credenciadas junto à ONA, como a mais rígida e criteriosa na entrega desse tipo de certificado.

“Esse certificação é reflexo do que trabalho que é oferecido aos pacientes diariamente, que é um atendimento com qualidade superior. O reconhecimento é apenas a valorização do nosso principal trabalho, que é salvar vidas”, afirmou a diretora médica do Hospital Santa Júlia, a médica nefrologista Júlia Gonçalves.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *