Saúde

Prefeitura inaugura quinta UBS no Japiim

By  | 

O bairro Japiim, Zona Sul, um dos mais populosos de Manaus (58.706 moradores) ganhou, a quinta Unidade Básica de Saúde (UBS) S-33, localizada na rua São Sebastião. É a 27ª casa de saúde do gênero inaugurada pelo prefeito Artur Neto em Manaus, com capacidade para atender a quatro mil pessoas por mês.

Na nova unidade que mede aproximadamente 130 m2, serão oferecidas consultas médica e de enfermagem em atenção primária à saúde, administração e dispensação de medicamentos, atividades de promoção e prevenção à saúde, acompanhamento de programas sociais, odontologia, além de serviços de curativos, vacinação e nebulização.

A equipe de profissionais é formada por 13 profissionais: médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, cirurgião dentista, técnico de saúde bucal, auxiliar de saúde bucal, agente comunitário de Saúde e assistente administrativo.

Além de secretários municipais e vereadores, prestigiaram o evento o secretário estadual de Saúde, Pedro Elias e o senador Omar Aziz, que chegou acompanhado do prefeito Artur Neto. “Há muito tempo Manaus não tinha um prefeito tão ousado e corajoso para tomar decisões em benefício da população. É uma qualidade típica do Artur. Quando eu fui governador fizemos uma parceria em várias áreas, inclusive no esporte, trazendo jogos da Copa do Mundo para cá”, ressaltou Omar.

O prefeito prometeu, até o final do ano, entregar mais cinco UBS’s em Manaus. “O Jápiim já precisava disso. Fiz um requerimento ao ministro da Saúde para eu não ter que devolver dinheiro. O dinheiro que eles mandam custa mais caro. Então, pedi a ele que, a sobra que eu tenho para investimento em novas UBS’s que ele me permita fazer reformas nas existentes. Com isso, eu não tenho que dar contrapartida, e assim, faremos um belíssimo trabalho. O dinheiro que eles mandam custa muito caro”, argumentou Artur.

Ele prometeu um grande mutirão no bairro Japiim e ressaltou a reforma que está fazendo na Lagoa do Japiim, batizada recentemente com o nome do pai do prefeito, Artur Virgílio Filho. “Vamos virar o Japiim do avesso”, concluiu.

Para o titular da Secretaria de Estado da Saúde (Susam), Pedro Elias Souza, toda e qualquer unidade de saúde inaugurada ajuda a desafogar os grandes hospitais de Manaus. “Eu tenho dados bem recentes que comprovam que, até 60% dos casos que vão para os pronto-socorros poderiam ser resolvidos nessas unidades básicas. A minha presença aqui, hoje (ontem) é para dizer que estamos reforçando essa parceira entre o Estado e o Município. O paciente do sistema único não tem dono, isto é, paciente não é estadual, municipal ou federal”, destacou o secretário.

População

A doméstica Maria de Fátima Menezes, que amanhã completa 60 anos, comemorou a chegada de mais uma casa de saúde no Japiim. “Já estávamos precisando de mais uma unidade porque o bairro é muito grande”, argumentou.

A opinião foi reforçada pelo aposentado Nelson Pacheco Quintela, 67, também morador do bairro. “A unidade da rua Natal não tem mais condições de atender a comunidade, ao contrário dessa, que é mais bem equipada. Esse bairro é grande, antigo e atrasado”, declarou o aposentado.

A abertura da quinta UBS no Japiim também foi comemorada pela líder comunitária Nancir Lira, mas com certa moderação. “Eu espero que o atendimento seja bom, que as pessoas não tenham que chegar de madrugada para serem atendidas. Não adianta ter um prédio bonito se o atendimento não é bom ou se a administração não for competente”, alerta a líder.

“Pra mim que sou diabética e hipertensa, e moro bem perto daqui, foi presente. Antes, eu tinha que andar muito, até o posto, que só tem um médico clínico”, disse a pensionista Terezinha Tavares, 60.

Foto: Euzivaldo Queiroz/A Crítica

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>